8 de dezembro de 2007

Mundo Real?Ou Irreal?


Neste meu mundo real-irreal
Estendi minhas mãos
A procura de um sonho
Que teima em trazer tua imagem
Toda vez que me sinto mulher amada-amante
Fazendo borbulhar
o vulcão oculto entre as pernas
Quando penso em teu sexo ardente
transpiro gozo pelos poros
Ao comando de tuas mãos
meu corpo entra em erupção
És meu amante-amado...
Labaredas de amor
Exala faíscas de desejos
Quanto te sinto invadir
Meu vulcão oculto...

Nenhum comentário:

esse eu indico

NASA Image of the Day